InstantEncore
Biography

Eloisa Baldin, mezzo soprano

Nascida em São Paulo, SP, Eloísa Baldin iniciou sua carreira em 1978, como soprano, no Theatro Municipal de São Paulo dentro do Festival de Natal e, fez nesse mesmo teatro, a sua estréia em ópera como Suor Genovieffa na “Suor Angelica” de Puccini em 1981. ??Desde então tem se apresentado nas temporadas desse teatro regularmente como também em teatros pelo Brasil e exterior (Europa, Estados Unidos e Argentina), tendo cantado sob a regência de renomados maestros como Eleazar De Carvalho, Isaac Karabtchevsky, David Machado, Túlio Colacioppo, Luiz Malheiro, Jamil Maluf, Alessandro Sangiorgio, Walter Lourenção, Abel Rocha, Erica Hindrikson, Mario Zaccaro, Roberto Farias, Juliano Suzuki entre outros

Dentre os vários prêmios destacam-se o Prêmio no Concurso Jovens Concertistas de 1978 e 1979, como melhor cantora, promovido pela OSESP e pelo Maestro Eleazar de Carvalho, “Melhor Cantora Brasileira” no XII Concurso Internacional de Canto do Rio de Janeiro, o Prêmio APCA de 1987 como Melhor Cantora Erudita, o Prêmio de Melhor Voz Feminina no Concurso Carlos Gomes de Campinas em 1996 e em 2009 recebeu o XXII Prêmio do Dia Internacional da Mulher como destaque de Música Erudita. Em 2004, fez parte do elenco de “Götterdämmerung” de R. Wagner no VIII Festival Amazonas de Ópera.

Bacharel em Música Sacra com especialização em canto e regência coral na Faculdade Teológica Batista de São Paulo. Em 1977 foi bolsista no Festival de Inverno de Campos do Jordão em Regencia Coral e Canto Lírico. Teve, como sua grande mestra de técnica vocal a Profa. Anita Lusa e depois a Profa. Mariuccia Lusa Lourenção. Estudou também com os maestros Armando Bellardi, Walter Lourenção, Sérgio Magnani, Abel Rocha e Marcello e Fábio Mecchetti. Aperfeiçoou-se em repertório e interpretação com a Professora Neyde Thomaz, Profa.Helly Anne Caran e com o Prof. Carlos A. Vial. Atualmente tem como seu orientador o Prof. Carmo Barbosa.

Em 1996, com bolsa da “VITAE”, no “Campo Musical Bariloche” Bariloche, Llao Llao, Argentina, fez o curso “Teatro para Cantores” ministrado pelo diretor teatral e regista Daniel Suarez Marzal.

Desenvolve intensa atividade didática, tendo lecionado na ULM (atual EMESP), Faculdade Teológica Batista de São Paulo, Seminário Presbiteriano Independente de São Paulo, além de participar de congressos de música por todo o Brasil, ministrando workshops, master classes e apresentando-se em recitais.
De 1993 a 2000 foi professora de técnica vocal do Coral Municipal da Cidade de Botucatu, São Paulo. Durante esse período o Coral foi finalista por mais de uma vez dentro do concurso estadual conhecido como “mapa Cultural”. Montou vários espetáculos líricos com o Coral e seus solistas, alunos com aulas individuais, culminando na grande montagem da ópera “As Bodas de Fígaro” de Mozart dentro de Festival de Inverno de Botucatu, sendo repetida no mês seguinte com mais três apresentações devido ao grande sucesso e repercussão na cidade.

?Em 2008 retornou à Faculdade Teológica Batista de São Paulo dando aulas de técnica vocal, expressão corporal e de orientação vocal para o coral da Faculdade, além de aulas de apreciação musical.?Em 2009 criou o Grupo Experimental de Ópera, GEO, com aulas de preparação em teatro, interpretação, estilos, repertório, figurinos e maquiagem para jovens cantores, montando a ópera “Le Nozze di Figaro” de Mozart em 2009 e 2010 , no Teatro João Caetano (S.P.) e na Sala Olido dentro da “Mostra de Estúdios de Ópera de São Paulo” dentro da série “Vesperais Líricas”

Como diretora de óperas e espetáculos dirigiu “Amahl and the Night Visitors” de G. Menotti, “Le Nozze di Figaro” de Mozart, como também o espetáculo “ A Era do Rádio”. Em 2008 fez a concepção, dirigiu e coreografou o espetáculo do Coral Lírico Municipal dentro do II Encontro de Coros “Camargo Guarnieri”, no Theatro Municipal de São Paulo, e a ópera ” La Navarraise” de Massenet, dentro da série “Vesperais no Olido”. Em 2009 dirigiu o concerto dos Corais do Theatro Municipal em comemoração ao aniversário de São Paulo, o concerto do Coral Lírico “Valsas de Amor, Paixão e Lágrimas” e “O Coral, o Espetáculo na Ópera”. Fez a concepção e dirigiu o espetáculo em comemoração dos 70 Anos do Coral Lírico, em Junho de 2009, no Theatro Municipal de São Paulo. Em 2010 dirigiu “Carmen” de Bizet, “La Serva Padrona” de Pergolesi, ”As Bodas de Fígaro” de Mozart , “Zanetto” de Mascagni, o espetáculo “O Dia em que as Divas Subiram a Serra” ( uma sátira das grandes óperas) e “Manon Lescaut” de Puccini. Em 2011 remontou “Manon Lescaut”, dirigiu “Rigoletto” e cantou e dirigiu “Il Barbiere di Siviglia”.?De Agosto de 2009 a 2011 foi a Coordenadora da série “Vesperais Líricas” do Teatro Municipal de São Paulo.

Tem quatro CDs gravados ao vivo, três deles com obras de Amaral Vieira, destacando-se “Tributo a Neruda”.
Foi membro integrante do Coral Lírico Municipal do Theatro Municipal de São Paulo de 1978 a 2013. Em 2014 assumiu uma das cadeiras como professora de Canto Lírico na Escola de Música de São Paulo, da Fundação Theatro Municipal de São Paulo.

É uma cantora de grande versatilidade e atividade, fazendo recitais de música de câmara, concertos sinfônicos e óperas. Apresentou-se nas óperas Ariana de B. Marcello, Dido & Aeneas de H. Purcell, Don Giovanni, Le Nozze di Figaro e Die Zauberflöte de Mozart, Il Barbieri di Siviglia e L”Italiana in Algeri de Rossini, Carmen de G. Bizet, Cavalleria Rusticana de Mascagni, I Pagliacci de R. Leoncavallo, Il Tabarro de G. Puccini, O Navio Fantasma, Die Walküre e Götterdämmerung de R. Wagner, Fosca e Odalea de Carlos Gomes, Amahl and the Night Visitors de G.Menotti, Fedora e Andrea Chenier de U. Giordani, L’ Heure Espagnole de Ravel , além de concertos sinfônicos com Liebestodt de R. Wagner, Stabat Mater de Pergolesi, Les Nuits d”Étès de H. Berlioz, IX Sinfonia de Beethoven, Te Deum de Charpentier, Te Deum de Bruckner, Dixit e Messias de G. F. Händel, Glória de  A. Vivaldi, Grande Missa em Dó menor, Missa da Coroação e Requiem de W. A. Mozart, Magnificat, Paixão Segundo São Mateus e Paixão Segundo São João de J. S. Bach, entre outras.

InstantEncore